O jabuti mais velho do mundo ainda vivo é conhecido como Jonathan e vive na ilha de Santa Helena, no Oceano Atlântico.

Junto de Jonathan, vivem Myrtle e Fredrika, dois outros jabutis de cinco de uma espécie rara que habitam a ilha. Jonathan é registrado com 182 anos e é considerado também um dos animais mais velhos do mundo. O posto para o animal veio após a morte, em 2013, de um molusco conhecido como Ming (Arctica islandica), que tinha 507 anos.

Tartaruga mais velha do mundo
Tartaruga teria nascido em 1832 (Foto: BBC)

Uma reportagem da BBC mostra que o animal é um espécime raro de tartaruga-das-seychelles, oriunda da ilha do mesmo nome, que fica no Oceano Índico. As companheiras de Jonathan são de uma espécie levemente diferente – o jabuti-gigante-de-aldabra, do atol que leva o mesmo nome.

+ A tartaruga com a mordida mais forte que a de um leão
+ 8 tartarugas que você não sabia da existência

Uma das teorias para que o animal tenha sobrevivido por tanto tempo sem servir de alimento para algum marinheiro da ilha no século passado é que o governador da ilha na época, Hudson Janisch, tenha adotado Jonathan como animal de estimação.

De acordo com a reportagem, desde Janisch, 33 governadores já passaram pela ilha e ninguém quer ter a má-sorte de ver Jonathan morrer durante o seu mandato. O atual governador, Mark Capes, diz que é importante que Jonathan seja ‘tratado com respeito, atenção e carinho, que ele merece’.

Tartarugas desta espécie podem viver até 250 anos. Os moradores da cidade já têm um plano especial de ‘funeral’ para o caso de sua morte: o casco de Jonathan será exposto permanentemente em Santa Helena.

15 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta para Maria Cristina Scanhola Cancelar resposta

Por favor informe seu comentário!
Por favor informe seu nome aqui